A SPMS

 

A Serviços Partilhados do Ministério da Saúde, E.P.E. foi criada em 2010, pelo Decreto-Lei n.º 19/2010, de 22 de março, como pessoa coletiva de direito público de natureza empresarial, dotada de personalidade jurídica, autonomia administrativa e financeira e de património próprio, nos termos do regime jurídico do setor empresarial do Estado, estando sujeita à tutela dos membros do Governo responsáveis pelas áreas das finanças e da saúde.

De acordo com o quadro jurídico estabelecido pelo Decreto-Lei n.º 19/2010, de 22 de março, com as sucessivas alterações abaixo descritas, tem vindo a assistir-se ao reforço das competências e atribuições da SPMS em matéria de prestação de serviços partilhados específicos da área da saúde aos estabelecimentos e serviços do Serviço Nacional de Saúde (SNS), independentemente da sua natureza jurídica, bem como aos órgãos e serviços do Ministério da Saúde e a quaisquer outras entidades, quando executem atividades específicas da área da saúde.

Com efeito, a SPMS tem por atribuições:

  • A prestação de serviços partilhados nas áreas de compras e logística, serviços financeiros, recursos humanos e sistemas e tecnologias de informação e comunicação;
  • O funcionamento do Centro de Contacto do Serviço Nacional de Saúde (CCSNS) e do Centro Nacional de TeleSaúde (CNTS);
  • Assegurar a atividade e a gestão do Centro de Controlo e Monitorização do SNS (CCMSNS), no âmbito dos serviços partilhados de conferência de faturas de medicamentos, de meios complementares de diagnóstico e terapêutica e de outras áreas de prestações de saúde.

 

Academia SPMS

 

A Academia de Formação da SPMS assume-se como uma entidade formadora de referência no setor da Saúde, fomentando as melhores práticas de gestão do conhecimento, qualidade e inovação. Tem por objetivo a valorização e a certificação das competências dos profissionais do Serviço Nacional de Saúde (SNS) e/ou organismos tutelados pelo Ministério da Saúde, bem como de outras entidades quando executem atividades específicas da área da saúde.

 

A atividade da Academia assenta em três pilares principais: Disponibilidade, Acesso e Qualidade.

 

É entidade formadora certificada pela Direção-Geral do Emprego e das Relações de Trabalho (DGERT) nas seguintes áreas de educação e formação: (090) Desenvolvimento pessoal; (344) Contabilidade e Fiscalidade; (345) Gestão e Administração; (380) Direito; (482) Informática na Ótica do utilizador; (729) Saúde Programas Não Classificados; (146) Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas.

 

Apresenta uma oferta formativa alinhada com as necessidades e objetivos do setor da Saúde, assegurada por uma equipa de formadores com know how altamente especializado nas áreas certificadas. As formações decorrem sob a forma de organização presencial, em e-Learning e em b-Learning.

 

Para o ensino à distância, a Academia disponibiliza a plataforma de eStudo desenvolvida pela SPMS, EPE, ferramenta essencial de apoio à formação, sendo igualmente utilizada por outras entidades integradas no Serviço Nacional de Saúde ou sob a tutela do Ministério da Saúde, para o desenvolvimento dos seus cursos.

 

Key Drivers

  1. Compromisso com a Qualidade;
  2. Criar Sinergias e Agregar Valor;
  3. Agente de Mudança;
  4. Flexibilidade e Agilidade;
  5. Criatividade e Inovação;
  6. Gestão do Conhecimento.
  7. Oferta Diferenciada
  8. Desenvolvimento e Partilha de Conhecimento